As redes sociais estão matando os Blogs?

Siga o Ferramentas Blog: Canal no Youtube | Facebook | Twitter | Google+
Acesse AGORA: https://blogueiro.pro e se torne um Blogueiro de Elite.

Texto BlogUm debate recorrente entre os blogueiros e usuários de redes-sociais como o Twitter e Facebook, é sobre a atual condição dos blogs. Alguns reclamam de poucos comentários ou uma qualidade baixa das visitas, pouca interação. Há os mais alarmistas que declaram o fim dos blogs por culpa das tais redes sociais. Gostaria de saber qual a sua opinião. Vou mostrar alguns dados e dar a minha opinião também.

Não dá pra citar tudo o que tenho lido sobre esse debate do “fim dos blogs”, mas vou destacar o que recomendo e que ilustra minha opinião abaixo:

Uma questão é bem simples: os blogs como os conhecemos já existem nesse formato há mais de 10 anos e pouca evolução sofreram. Se tornaram populares por serem uma forma direta de publicarmos idéias, nossas opiniões. A única mudança que sofreram foi no tipo de usuário.

Antes os blogs eram um brinquedo de adolescentes, diários virtuais (daí o nome Web-Log), fotologs. E chegou à maturidade sendo sinônimo de evolução da informação.

É fato que a quantidade de blogs tem parado de crescer, a quantidade de posts publicados é cada vez menor, mesmo com um crescimento dos usuários de internet em todo o mundo. Vemos uma estabilização no crescimento de serviços de blogs, como o Blogger e o WordPress:

Crescimento comparativo entre Blogger e WordPress

Clique na imagem para ver mais detalhes do comparativo

 

Os blogs são um fenômeno anterior às redes sociais como as conhecemos. O Twitter e o Facebook, os “grandes vilões”, são coisas recentes e só agora (especialmente no Brasil) é que estão conquistando um público maior.

As pessoas se movem por novidades e as redes sociais digitais são a novidade do momento. Enquanto o crescimento dos blogs já está em um nível de saturação, serviços como o Facebook e Twitter estão longe de atingirem seus limites.

grafico-redes-sociais-twitter-blog-facebook

Clique na imagem para ver comparativo completo

Também não podemos esquecer que nem todo usuário tem perfil para compartilhar e produzir/criar conteúdo, seja texto, imagem, áudio ou vídeo (ou qualquer outra forma que se use um blog). Mas para interagir e relacionar-se, todos os seres humanos já o são aptos por natureza.

A grande crise, na minha opinião é a de criatividade e capacidade de uso efetivo das ferramentas disponíveis na internet. E não podemos esquecer de que muita coisa é moda ou ainda estamos nos adaptando a tantas novidades e à velocidade da web.

o-criador-moda-tweet

@oCriador

 

Aqui mesmo já escrevi um artigo sobre como a qualidade dos blogs é afetada pela capacidade dos blogueiros que criam tais blogs:

Enfim: menos comentários? menos visitas? menos posts sendo publicados e mais blogs morrendo?

As pessoas lêem cada vez menos, com menos qualidade. Tem muito blog ruim. Mas vejo que blogs bons estão com experiências contrárias, recebendo mais e mais visitas e muitos comentários. Esses aprenderam a usar as redes sociais a seu favor e estão usando melhor as ferramentas disponíveis, como os vídeos e áudios, entre outros recursos de publicação integrados aos posts e artigos.

Acredito que os blogs vão sobreviver, tendo que se adaptar melhor aos interesses dos leitores e mais ligados à uma integração maior dos recursos. A quantidade de blogs vai crescer mais devagar, mas a qualidade tenderá a crescer (espero que sim!). Também as redes sociais vão saturar, outras novidades vão surgir e a internet… bom, a internet será bem diferente nos próximos anos…!

Leia também: Blogs are growing a lot more slowly. But specialists still thrive.

Outros artigos que recomendo:

Já pensou em ser um(a) Blogueiro(a) mais Profissional?

Está cansado(a) de ser um blogueiro mediano(a) e que não tem resultados com seu Blog, não ganha dinheiro e não recebe as visitas que gostaria?

Você chegou aqui procurando como aprofundar seus conhecimentos em Blog, como Ganhar Dinheiro com seu Blog, aplicar as melhores técnicas de SEO, divulgar seu Blog e fidelizar seu público alvo. E posso te ajudar com essas coisas e muito mais, elevando o nível de qualidade do seu projeto.

Desenvolvi um curso completo, totalmente online, cobrindo tudo o que é necessário para um Blog atingir seu potencial máximo, detalhe por detalhe, que vão te tornar um Blogueiro de Elite:
  • Técnicas de produção de conteúdo
  • Fidelização do Público alvo
  • Divulgação e Técnicas de SEO
  • Métodos e técnicas de Monetização
Acesse AGORA: https://blogueiro.pro e se torne um Blogueiro de Elite.

Esta é sua chance de ser mais profissional e ter um blog eficiente, completo e que pode ser sua fonte de renda permanente. Sou Blogueiro desde 2007 e condensei todo este conhecimento dentro do curso Blogueiro de Elite para entregar a você.

23 Comentários

  1. Muito bom o assunto.

    Me interesso mais sobre como integrar o blog às redes sociais.

    Mas com certeza muita coisa se explica pela qualidade decadente da maioria dos blogs. Penso que os bons blogueiros podem ficar tranquilos e continuar com o seu bom trabalho.

    Responder

  2. Se Charles Darwin vivesse nos dias de hoje diria, no seu twitter, que isto se chama seleção natural.

    As redes sociais vieram como aquele meteoro que supostamente, há milhões de anos, varreu os dinossauros da face da Terra. Mas como sabemos, o tal meteoro não causou o fim das espécies, mas sim uma renovação, dando vez a uma nova geração de espécie dominante, que continua evoluindo.

    O que eu quero dizer com isso é que as redes sociais estão sim matando os blogs, mas apenas aqueles que ficarem congelados no formato original. Um blog, para sobreviver, precisa ser multimídia, precisa aproveitar as várias ferramentas disponíveis na internet.

    Como exemplo, você pode usar o Twitter para fazer comentários breves sobre um determinado assunto e, ao mesmo tempo, criar um post no seu blog com mais detalhes sobre o esse tema. Com isso você estará usando uma rede social a favor do seu blog, e não contra ele.

    É isso!!! 😉

    Responder

  3. Marcos,achei muito pertinente você escrever sobre este tema – algo que venho adiando há tempos.
    Na minha opinião, os blogs não estão "morrendo". Basta olharmos as estatísticas de acesso. Elas não diminuíram, muito pelo contrário. O que eu percebi, foi uma drástica redução na interação dos leitores conosco. E eu insisto: é um consequência do Twitter, onde tudo é mais rápido e informal.
    Antes, o blogueiro ficava "distante" e o máximo que um leitor conseguia era uma resposta a um comentário seu. Já hoje, estamos todos juntos no Twitter.
    Isso é bom? De certa forma, sim, pois permite uma maior aproximação entre blogueiro/leitor.
    Não acredito que os blogs estejam fadados à extinção, mas sim às transformações impostas pelos hábitos dos internautas.
    Quem tiver persistência e, acima de tudo, talento, vai se manter no ar e com audiência.
    Se hoje um post tem 10 comentários e 50 Rts,por exemplo, basta somarmos os dois resultados para sabermos sua abrangência e importância.
    Conversações como este post seu, o do Noronha, o do Márcio e o do Richard são super importantes neste momento, pois irão trazer novas idéias pra quem não tem receio de mudar e de se adaptar.
    Abraços

    Responder

  4. De fato meu caro Marcos, acredito que haja uma tendência de mudança no que se refere ao conteúdo dos blogs. Existe ainda muito espaço para blogs de qualidade, porém não podemos nos olvidar que os blogs baseados nas tosquices tupiniquins continuam surgindo a todo vapor e povoado de pessoas igualmente acéfalas.

    Sobre os uso das mídias, concordo com você, acho que elas podem, se bem utilizadas, trazer um bom retorno para os blogs.

    Também vejo uma preguiça coletiva reinando na blogosfera, poucos têm se dado ao trabalho de criar conteúdo, porém não podemos ser radicais a ponto de dizer que tudo está perdido, pois ainda encontramos muita coisa de qualidade por aí.

    Ainda tenho esperança que a qualidade se sobreponha à bizarrice popular.

    Responder

  5. Conheci vários blogs através do Twitter, mas com certeza ele também diminuiu o tempo que gasto lendo blogs. Excelente reflexão, parabéns!

    Responder

  6. A falta de criatividade dos blogeiros é um dos problemas eu concordo.
    Mais hoje o que o brasileiro da valor mesmo é a merda das rede sociais!
    E a maioria dos blogeiros depois de um ano bota um fim no seu blog alegando que “A isso é chato!” mais porque é chato para eles? A preocupação do brasileiro a cada segundo que passa é só te mais é mais contato com o povo deixando de lado o espaço que o blog lhe da de expressar sua opinião!

    Para completar eu acho que a blogosfera ta muito cheia de guerrinhas só blogeiros vivem de derrubas os outros, a também um acomodação por parte de muitos. É assim vai até o fim dos merda-blogs.

    Bem, acho que a blogosfera não ta caindo! Acho que a qualidade dela ta ficando como exemplo o “Ferramentas Blog” símbolo que qualidade na WEB. Só os mais fortes sobrevivem” Lemos

    Trabalhem assim como eu e um dia seremos reconhecidos

    Responder

  7. Sabe, Hordones, acho que rola uma certo exagero quando o assunto são as redes sociais. Descobriu-se uma coisa nova, as empresas começaram a partir para o marketing nessas redes, então surgiu um nicho de mercado, com profissionais tagarelando sobre essas mídias como cavaleiros do apocalipse.

    Existe uma certa obsessão pelo poder assassino das redes sociais. A coisa mais dita pelos blogueiros é que os comentários diminuiram e os acessos também. A paranoia entre os profissionais de marketing só faz crescer. Há alguns dias vem rolando um debate no LinkedIn: "Você acha que as redes sociais devem se tornar um local melhor para anunciar do que o Google e outros sistemas de busca?" e tem gente garantindo que sim. Isso aliás, pode colocar os blogueiros em pânico de vez, porque vai ferrar com o Adsense de muita gente.

    Olhando com atenção pros insights que você publicou – adicionei "criar orkut" como parâmetro também – o que percebo é que a geografia da pesquisa mudou, a maior parte vem de fora da região Centro-Sul, mas elas só crescem.

    O twitter e o facebook não vão matar blog nenhum, assim como o orkut não matou, nem o msn, nem o youtube, nem o myspace. A blogosfera aumentou e o conteúdo ficou disperso. Os blogs não estão morrendo mais rápido, nós é que estamos levando mais tempo para encontrar blogs bons, porque existem muito mais blogs.

    Além da dispersão, os que já estão na blogosfera há tempos se acomodam, começam a achar que os novos é que tem que encontrá-los. E assim vai o mimimi dos blogueiros.

    Responder

  8. Muito bom o post, é um tema muito importante.
    Na minha opinião, hoje tudo é uma questão de evolução, adaptar-se a mudança no padrão dos internautas é uma forma de manter-se vivo na blogosfera.
    Os leitores e visitantes de blog procuram interação, e as redes estão ai para isso.

    Hoje em dia existem muitos blogs de qualidade que são referência para aqueles que querem criar um ótimo blog. Também creio que tempos com blogs com mais qualidade estão por vir.

    Responder

  9. Que bom que agora o ritmo de criação de blogs está diminuindo ! Existem muuitos blog , mas só alguns são de qualidade ! Os que sobreviverem as redes sociais serão os melhores !

    Responder

  10. Os blogs estarão cada vez mais interligados as redes sociais,e só sobreviverão os que tiverem um bom conteúdo e que souberem reclicar a notícia de forma convicente

    Responder

  11. Não acho que os blogs estão morrendo por causa das mídias sociais. Na minha opinião, muitos blogs não tem conteúdo relevante. De duas, três: são cópias de blogs mais "famosos", o conteúdo não é bem redigido (salvem a professorinha) ou é culpa da maldita inclusão digital!
    Saudações
    Marcus, Criativo de Galochas

    Responder

  12. Me lembro quando comecei a me interessar por blogs. Ficava horas e horas pensando em como ele seria e quantas pessoas poderiam estar acessando e gostando do conteúdo postado no mesmo. Mas, tudo o que eu simplesmente sabia fazer era copiar artigo dos outros, muitas vezes sem ao menos ler o conteúdo. FELIZMENTE essa época passou e hoje adoro ler, aprender e só depois repassar aos meus poucos leitores.

    Como o 'Criativo de Galochas' mesmo disse, De duas, três são cópias, e a grande maioria dos blogs que vejo pela internet não tem um foco principal. Postam apenas conteúdo duplicado, de diversos temas.

    Os blogs não vão acabar, assim como as redes sociais estão evoluindo, os blogueiros novatos também vão evoluir, e nos surpreender com posts criativos e de autoria própria (ou não).

    Responder

  13. Penso que estamos longe de acabar com os blogs, acho legal a transformação e evolução que podem e devem sofrer.

    Ninguém procura mais do mesmo!

    Responder

  14. A qualidade da produção de artigos está muito baixa, e, dificilmente, encontramos um bom conteúdo para se ler. É estranho imaginar isso, sendo que a internet é gigantesca, e há muitos temas relevantes para analisarmos e escrever posts. Como disse a Juliana, os visitantes não estão indo embora, estão apenas "não interagindo" com o blogueiro. Devemos é descobrir uma maneira de não perder comentários por causa do Twitter, e interligar as redes sociais com os artigos de um blog.

    Parabéns pelo artigo e pelo blog!

    Responder

  15. Marcos, eu concordo com a Juliana, inclusive já fiz um post sobre isso no meu blog, que nem meta-blog é. O Twitter na realidade ajuda a aproximar grande parte dos blogueiros do público e até a trazer mais visitas, através de retuítes de entrevistas, promoções e etc…

    Os números nem sempre podem ser a única coisa para onde olhamos numa análise dessas. O número de blogs diminuiu no âmbito geral? Sim. O número de comentários também? Sim. Mas isso é simples. As pessoas antes, a maioria absoluta, criavam blog para reclamar da vida, falar das coisas que gosta, fazer fofocas. Mesmo com o aparecimento dos blogs mais sérios, a maioria se voltava para isso. Mas esses eram blogs que logo morriam, sem muita relevância. É esse tipo de blog que tem deixado de aparecer, e por isso, estatisticamente, parece que a blogosfera está morrendo.

    Entretanto, na realidade, o que acontece é que os blogs mais "sérios" é que têm se mantido. E eles, inclusive, têm utilizado as redes sociais como grandes parceiros. Quem queria criar um blog apenas para se divertir e falar de sua própria vida, agora faz isso no twitter, e as pessoas comentam no twitter.

    Agora, o número de comentários baixar, tudo bem, ai já é por causa das redes sociais; as pessoas acabam comentando por elas, mas mesmo assim não deixam de interagir com o blogueiro.

    Responder

  16. No meu ponto de vista as redes sociais não 'matam' os blogs, mas elas facilitam a chegada dos visitantes aos nossos blogs, também aumentam a interação blogueiro/leitor como disse a Juliana acima, concordo. Só que essa interação acontece nas redes sociais e deixam um pouco de lado as páginas dos blogs, os comentários, que é o meio mais tradicional de comunicação entre ambos. Devemos admitir que nas redes sociais tudo sempre é mais facilitado, mas isso na minha opinião não torna escasso os nossos blogs.

    Sucesso!

    Responder

  17. Bom, sem dúvidas o que foi dito aqui é fato. Mas como também foi dito, os blogueiros estão aproveitando os meios que tem de tornar seus blogs mais atraentes e com isso a coisa toda torna-se mais "filtrada". Os blogs hoje estão perdendo espaço para outros meios de comunicação na rede, mas os que realmente gostam da coisa se esforçam para continuar aí. É a demanda. Muita gente faz, eu tenho de ter diferencial. Isso é bom pois favorece a qualidade. Eu amo blogs, amo também o twitter por exemplo, mas não deixo meus blogs. Apesar de que às vezes demoro de postar neles, mas não por "culpa" de outros espaços. Claro que os mais dinâmicos como Twitter por exemplo, tende a contar mais com a nossa presença, mas o tempo entre uma postagem e outra no blog não é por conta disso, é uma questão minha mesmo.
    Inclusive, depois de ter blogs observei em mim uma busca por qualidade e garantia, pois, sempre que digo algo nele preciso ter certeza das fontes para validar o que estou dizendo.
    Não acredito no fim dos blogs, só em mudanças. Houve um tempo em que se registrava em papiros… chegamos à imprensa e hoje basta tocar os dedos numa tecla.
    Quando mais complicado o caminho mais dedicação se aplica nele.

    Responder

  18. Difícil esse assunto, mas aposto na imortalidade dos blogs. Nós blogueiros precisamos de blogs vizinhos para nos mantermos atualizados e divulga os nossos tb! O chato é que a gente se esforça para escrever, mudar layouts e tal… mas poucoas pessoas comentam, e geralmente são os leitores fiéis de sempre. Falta realmente um pouquinho de interação entre leitores e escritores.
    Vamos ver o que acontece… eu nâo abandono meu blog tão cedo!
    Sucesso!!!

    Responder

  19. Marcos,
    assunto muito pertinente. As redes sociais atraem o grande público, o "incluído digital", que quando aprende o que é internet perguntam logo se ele já criou seu orkut…Esse público é difícil de ser alcançado pela blogosfera, mas não de hoje…Com a popularização do Twitter e do Facebook, na minha opinião, a situação melhorou, pelo menos nos meus blogs.
    Não recebo visitas significativas do orkut, mas do Facebook e do Twitter sim, e agradeço por eles existirem. A evolução que os blogueiros precisam ter é essa, entender que o ambiente foi alterado, e quem não se adaptar, vai ficar mesmo pelo caminho.
    Em 2010 o GF Soluções cresceu mais de 50% em número de visitas e devo isso, em muito, a meu perfil do Twitter e do Facebook, e de outras redes sociais como o formspring.me, então a minha experiência como blogueiro me orienta a afirmar "as redes sociais não estão matando os blogs!",
    um grande abraço.

    Responder

  20. Hordones, fantástico o post.

    Como o Zé Márcio diz, há uma certa preguiça coletiva na blogosfera e também uma bela duma falta de criatividade. Talvez isso seja só uma fase, ou como você mesmo citou, uma questão de adequação à nova realidade.

    Forte abraço, man!

    Responder

  21. É um assunto interessante, mas também temos que falar do Google, que mudou a classificação dos sites e blogs ano passado, fazendo com que parte deles disparassem em visitas (como o diHITT) e outros caíssem bruscamente (como meus sites e blogs).

    Eu ví meu lucro diário de setembro de 2010, que era de 350 dólares, cair para pouco mais de 100 dólares diária, e continua assim até hoje.

    Estou na luta, recriei do zero alguns blogs que não decolavam nunca, mudei alguns que não estavam dando muito certo, e melhorei os que estavam bons, agora é trabalhar e ver o que o futuro nos traz.

    Mas é verdade que, enquanto mais o Facebook, Orkut e Twitter se popularizam, menor é o número de comentários nos blogs, é a vida…

    Responder

  22. Pingback: Sera mesmo o fim dos Blogs? | [ Ferramentas Blog ]

  23. Pingback: Fidelize e conquiste clientes com o seu blog - Caminhando JuntoCaminhando Junto

Deixe um comentário

Ao comentar você concorda com nossa Política de Comentários.