Como criar um Site ou Blog de sucesso escolhendo o nicho correto?

Siga o Ferramentas Blog: Canal no Youtube | Facebook | Twitter | Google+

A internet é um campo fértil em oportunidades de negócio e um website bem estruturado é meio caminho andado para se ter sucesso. O conceito de sucesso online baseia-se em duas métricas: o número de visitas e/ou a quantidade de vendas. Neste artigo, damos-lhe alguns conselhos para que possa escolher o nicho de mercado correto e consequentemente melhorar estes dois aspectos.

1. Que nicho de mercado escolher?

A primeira grande etapa para quem se vai lançar na internet é escolher um nicho de mercado. O nicho de mercado que você vai explorar deve ser, preferencialmente, do seu gosto pessoal e você deve dominar o assunto relativamente bem. Só assim pode oferecer informação útil aos seus leitores, construindo uma comunidade de seguidores e diferenciando-se da concorrência.

Além disso, o seu negócio online só será bem sucedido se o seu nicho de mercado tiver boas perspectivas de sucesso, isto é, houver uma procura aceitável para que possa ser rentabilizado. Este ponto da rentabilidade é influenciado por três factores: a procura pelo tema, a concorrência e as possibilidades de monetização.

Através do Google Keywords Tool, você poderá analisar a procura por determinada palavra chave e a respectiva concorrência, assim como encontrar ideias para nichos específicos. Em nichos onde a concorrência é elevada, você poderá ter mais dificuldades em se afirmar.  Outra ferramenta que lhe poderá ser útil é o Google Trends, onde poderá analisar a evolução das pesquisas por determinada palavra chave, ao longo do tempo. Através destas ferramentas, você poderá fazer uma análise da concorrência e da procura por determinadas palavras, facilitando-lhe a tarefa de escolher o nicho.

2. Como saber se um nicho pode ser rentável?

A rentabilidade de um nicho é um factor que pesa na hora de escolher o nosso nicho de mercado. O fato de um determinado tema ser mais procurado que outro, não implica que esse tema vá gerar mais dinheiro. Por exemplo, utilizando o Google Keywords Tool, verificamos que existe uma procura muito maior sobre “telemóveis” em relação a “Nokia 5310 barato”, mas é certo que há uma maior aptidão para comprar um produto na segunda categoria (devido à sua especificidade) e portanto maior possibilidade de monetização. A monetização de um site pode ser feita de duas formas: direta, se você é o proprietário dos produtos que estão à venda no seu site  e/ou indireta, recorrendo a recursos externos, como afiliados, Google Adsense, publicidade, etc. Esta monetização indireta é essencialmente utilizada por blogueiros e a mais usual na internet.

Para começar, o melhor será procurar por um nicho mais específico onde a concorrência não seja elevada mas exista um número de pesquisas razoável. Por exemplo, se você tiver um nicho explorando as palavras chave “Restaurantes em Faro”, você terá mais hipóteses de gerar tráfego orgânico do Google do que se tivesse apenas “Restaurantes”, onde a concorrência é maior. Dominar uma área específica de um grande tema, poderá ser a chave para o sucesso. Não desanime se o seu nicho não tem um grande volume de pesquisas, se você for o melhor em determinado nicho, por muito específico que seja, você será sempre bem sucedido.

Por fim, teste você mesmo as palavras chave que escolheu no próprio motor de busca. Deverá ter atenção ao número de páginas que as suas palavras chave geram (quantas mais páginas, maior a concorrência e mais difícil será você se posicionar melhor), assim como analisar as páginas que estão colocadas nos primeiros lugares do Google – será que você é capaz de as ultrapassar no ranking do motor de busca?

3. Que tipo de Site ou Blog criar?

Escolhido o nicho de mercado, é altura de criar o seu site. Este passo é de extrema importância, pois será no seu site onde o seu negócio vai florescer. Você deve criar um site consoante a sua opção de negócio. Pode criar um site pessoal, um site profissional ou uma loja virtual.

A grande diferença entre um site pessoal e um site profissional reside essencialmente na forma como você vai interagir com os seus visitantes. Se você pretende ter um site aberto ao debate, onde interage com os seus usuários e com constantes atualizações de artigos e notícias, ao estilo de blog, então você deverá optar por um site pessoal.

Se por outro lado, você apenas pretende montar o seu site para dar a conhecer determinado produto/informação, sem necessidade de atualizações constantes, então a melhor opção para si será um site de negócios. Se a sua intenção é vender  os seus produtos diretamente na internet, onde os seus clientes possam pagar com cartões de crédito e paypal de forma automática, então você deverá criar uma loja online.

Para quem não tem conhecimentos técnicos e pretende ter um site gratuito, com design profissional, rápido de construir e fácil de editar, a Webnode apresenta-se como uma excelente solução, conquistando a confiança de milhões de clientes em todo o mundo.

http://www.webnode.com.br

*Publieditorial

3 Comentários

  1. Olá Marcos, gostei muito da forma clara que você ensina. Estou começando agora; ainda não tenho tema definido, mas pretendo estudar bastante e persistir.
    Sucesso e parabéns !

    Responder

  2. Oi Marcos Lemos também estou começando agora e ja venho acompanhado seu trabalho parabéns gosto muito do seu Blog e estou estudando como melhorar o meu e como melhorar a cada dia.Um Abraço

    Responder

  3. Boa noite. Antes de mais parabéns pelo artigo que está muito bem construído, e de fato recomendo a quem necessita de uma orientação neste tema que é escolher um nicho. Pessoalmente após ler o incentivo de nicho para 2013 um nicho no qual eu mesmo criei o blog Humor Dobrado é Humor/Entretenimento e afins, e recomendo pela variedade de procura. Tudo a correr bem João Soares

    Responder

Deixe um comentário

Ao comentar você concorda com nossa Política de Comentários.