Como usar o Old Reader como alternativa ao Google Reader

Siga o Ferramentas Blog: Canal no Youtube | Facebook | Twitter | Google+

Com o fim anunciado do Google Reader, o mais conhecido serviço de leitura de Feeds/RSS, muita gente tem perguntado sobre qual outro site faria o mesmo, gratuitamente e de forma tão simples. Uma solução é migrar todo o seu conteúdo do Google Reader para o The Old Reader, já que é possível importar seus dados sem perder a lista que você tanto gosta e nem precisar criar tudo do zero.

Fazer download do e-book Como Ganhar Dinheiro com Blog

Publicamos aqui sobre o fim do Google Reader e demos uma alternativa de serviço que é o Feedly. Pode ser uma solução rápida para quem não quer procurar muito:

Mesmo assim, é bom ir testando alternativas e descobrir algum que seja mais agradável e do seu estilo de trabalhar. Pesquisando e testando outras soluções, descobri o The Old Reader. Ele permite importar todo o conteúdo do GReader, sem perder o que você já acumulou.

The Old Reader leitor de Feed

A primeira coisa é acessar o http://theoldreader.com/ para entrar no serviço. Para isso você pode usar sua conta do Google+ ou do Facebook, o que agiliza sem precisar criar uma conta só para esse novo sistema.

Agora, numa janela ou aba do seu navegador, abra sua conta do Google Reader para importar os dados atuais que serão levados para o novo leitor de Feed/RSS.

No canto superior direito da sua tela com o GReader aberto, clique no menu com o ícone de uma engrenagem para entrar nas configurações, escolhendo a opção “Configurações do Google Reader”, como na imagem abaixo:

Configurações do Google Reader

Na janela que abrir você verá uma aba que diz “Importação e Exportação” e dentro dessa parte verá “Exportar suas informações” seguida de um link que diz “Download your data through Takeout“. Semelhante à imagem abaixo:

Exportar dados do Google Reader

Isso levará você até um novo serviço do Google, o Takeout, que pedirá sua senha outra vez.

Espere até os dados do arquivo aparecerem e os quadradinhos ficarem vermelhos, indicando 100% completo. Pode levar alguns segundos ou mais, dependendo da velocidade da sua conexão. Depois é só clicar no botão vermelho que diz “CREATE ARCHIVE”:

Takeout Google Reader

Mais uma vez esse processo pode demorar alguns segundos ou minutos, de acordo com sua conexão. O jeito é esperar até que finalize. Você verá uma barra de desenvolvimento:

São criados vários arquivos, normalmente 8, mas podem ser mais dependendo dos conteúdos e compartilhamentos que você fazia e de suas listas. aparecerá um botão azul para “Download” quando completar o procedimento de criação dos arquivos.

Esses arquivos serão em formato .ZIP compactados. Descompacte esse arquivo em uma pasta do seu computador, como você faz para qualquer outro. Nele há uma pasta chamada “Reader” com todos os arquivos. O mais importante deles se chama “subscriptions.XML“.

Esse arquivo é o que contém a lista de sites e blogs que você seguia por Feed ou RSS. Os outros arquivos contêm informações de seguidores, notas, favoritos etc.

Volte à sua tela do The Old Reader, clique no menu “Importar” que fica no canto superior direito e selecione o arquivo “subscriptions.XML” do Takeout que acabou de ser criado, então clique no botão “Importar”, como na imagem que exemplifica:

Levará algum tempo até o arquivo ser enviado. É só ter paciência e esperar o procedimento automático de abertura do arquivo e incorporação no novo leitor de Feeds/RSS.

Pode ser que, por conta do alto tráfego de pessoa que estão migrando para este serviço, você tenha dificuldades para completar os passos de importação dentro do The Old Reader. É possível até que você entre em uma lista de espera. Nesse caso, não há mesmo o que fazer, senão esperar.

Depois que testar, volte aqui para contar sua experiência no novo serviço.

21 Comentários

    • A fila está grande, já que muita gente está tentando migrar e testar o serviço deles.
      É bom ter um pouco de paciência, rs! Gosto desse serviço e pode ser uma ótima alternativa ao GR mesmo.

      Responder

      • Olá marcos … eu estou usando o Feedly, escrevi um post no meu blog sobre ele, é muito bom … e o processo de importação é todo automatizado.

        É um ótima alternativa, no ipad, no iphone, no android e no google chrome.

        Responder

  1. Marcos, uma ótima pedida também é o Bloglines. Eu sempre usei ele e não me arrependo. Ele é parcialmente traduzido, interface bacana e muito fácil de usar.

    Espero ter contribuído.

    Responder

  2. Marcos me tira uma pequena dúvida?

    Essa sua dica do The Old Reader nos dá a possibilidade de manter a caixa de assinar para receber as postagens do meu blog no e-mail do leitor? Caso a resposta seja não você poderia indicar um serviço que possa manter essa função para o meu blog… Não queria perder essa caixa de assinar postagens pois em muitos casos os leitores não tem muito tempo de acessar os blogs e sites que frequentam e o Feed dos artigos por e-mail acaba se tornando a unica maneira de mantê-los informados do que anda acontecendo de novidades em seus sites favoritos…

    Desde já agradeço a atenção…
    Att.
    Rromirys Cavalcante

    Responder

    • Enviar newsletter não tem nada a ver com o leitor de feed. Isso é uma função do Feedburner e não do GReader.
      O envio de seu feed por email para seus assinantes continuará funcionando sem problemas.

      Responder

    • Caio,

      O Reader é apenas um leitor de Feed e nada tem a ver com o FeedBurner. É um aplicativo online que serve para você reunir o Feed de todos os sites e Blogs que você gosta e ler tudo num único lugar.

      Responder

    • O fato de você usar o FeedBurner não tem nada a ver com o assunto. Independente de qual serviço você usa para criar seu Feed, se seus leitores usam o GReader para ler os Feeds, sim, você vai perder esses leitores se eles não migrarem para outro.

      Responder

Deixe um comentário

Ao comentar você concorda com nossa Política de Comentários.