Oferecer Feeds completos do Blog faz perder visitas?

Siga o Ferramentas Blog: Canal no Youtube | Facebook | Twitter | Google+
Acesse AGORA: https://blogueiro.pro e se torne um Blogueiro de Elite.

small-rss-feed-icons Esse é um assunto que sempre volta quando tratamos da importância de se fidelizar leitores e conseguir mais visitas para os artigos do Blog. Os Feeds/RSS, junto com as Newsletters, são a forma mais eficiente de se fidelizar leitores e atingir diretamente seu público alvo. Mas a questão é que podemos disponibilizar a atualização completa, com todo o texto do artigo ou enviar apenas um resumo do que foi publicado. Muitos acreditam que se enviarmos apenas um resumo, isso fará com que o visitante vá ao blog, o que contabilizará mais visitas. E fica a dúvida: Devemos ou não oferecer Feeds completos?

 

Para ajudar a responder, vou recorrer ao Twitter o que disse a Emanuelle Najjar (@manunajjar), do Limão em Limonada:

 

manu-feed-twitter

 

Para quem não sabe o que é o Google Reader, recomendo que leia esse artigo e aprenda a usar um leitor de Feeds:

Também já tratamos aqui diversas vezes sobre o uso de Feeds e como isso é importante para conquistar mais leitores, fidelizar o que chegam até sua página e com isso mantê-los mais próximos. O que o Feed e a Newsletter tem de vantagem é que seu leitor/público alvo é quem opta por receber suas atualizações e se ele quer saber mais sobre o que você ainda vai publicar, já significa que gosta de seu blog e que será um leitor fiel.

 

Fiz até uma pesquisa para saber o comportamento dos meus leitores de Feed e entender como eles usam as atualizações que recebem e se isso afeta a quantidade de visitas que recebo deles.

 

O que poucos entendem é que o Feed e a Newsletter são uma forma mais rápida de se chegar até o seu leitor e de forma muito direta, pois foi escolha dele. Essa pessoa já está conquistada por seu trabalho e agora você precisa mantê-la. O que precisamos não é de mais visitas para a sua página, mas sim deve-se querer mais leitores fidelizados, mais gente interessada e lendo o que você publicou.

 

São os leitores fieis que recomendam o seu conteúdo e compartilham mais informações. Também são esses que servem de parâmetro para seu trabalho, pois são mais críticos, entendem o que você faz e entram em contato, deixam mais comentários e interagem com você nas redes-sociais. Isso reflete diretamente na sua influência e sua relevância, pois você tem um público que acompanha de perto o que você faz sem precisar um esforço grande de divulgação. A divulgação fica para se conquistar mais público, encontrar gente nova e fidelizá-los também.

 

Como oferecer Feeds completos?

No Blogger

Vá ao painel do Blogger e clique no menu “Configurações” ~> “Site Feed” e logo no início dessa página, marque a opção “Permitir Feed do Blog” como “completa” (veja imagem ilustrativa abaixo):

 

site-feed-completo

 

Salve e as configurações já serão aplicadas para as próximas atualizações.

 

No WordPress.org

Se você usa o WordPress.org pode abrir seu painel de controle e clicar no menu lateral “Configurações” ~> “Leitura”. Então procure pela opção “Para cada post em um feed, mostrar” e marque o “Texto completo” (veja imagem ilustrativa):

 

WP-feed-completo

 

Clique no botão “Salvar alterações” para aplicar as mudanças que já serão visíveis nas próximas atualizações enviadas.

 

Não sabe aplicar Feeds e Newsletter em seu blog?

Já pensou em ser um(a) Blogueiro(a) mais Profissional?

Está cansado(a) de ser um blogueiro mediano(a) e que não tem resultados com seu Blog, não ganha dinheiro e não recebe as visitas que gostaria?

Você chegou aqui procurando como aprofundar seus conhecimentos em Blog, como Ganhar Dinheiro com seu Blog, aplicar as melhores técnicas de SEO, divulgar seu Blog e fidelizar seu público alvo. E posso te ajudar com essas coisas e muito mais, elevando o nível de qualidade do seu projeto.

Desenvolvi um curso completo, totalmente online, cobrindo tudo o que é necessário para um Blog atingir seu potencial máximo, detalhe por detalhe, que vão te tornar um Blogueiro de Elite:
  • Técnicas de produção de conteúdo
  • Fidelização do Público alvo
  • Divulgação e Técnicas de SEO
  • Métodos e técnicas de Monetização
Acesse AGORA: https://blogueiro.pro e se torne um Blogueiro de Elite.

Esta é sua chance de ser mais profissional e ter um blog eficiente, completo e que pode ser sua fonte de renda permanente. Sou Blogueiro desde 2007 e condensei todo este conhecimento dentro do curso Blogueiro de Elite para entregar a você.

14 Comentários

  1. Essa foi uma pergunta que eu me fiz quando estava criando o meu blog, o onlyblablabla.blogspot.com se eu deixar as pessoas lerem os meus posts diretamente no leitor de feed delas, vou receber menos visitas?

    No meu caso, a ideia é que as pessoas leiam o que eu escrevo, e não que elas acessem o blog, e então optei por enviar o conteúdo completo para o feed.

    Eu não gosto de ler só uma introdução da mensagem no meu feed, é como assinar uma revista e receber só a capa em casa. E geralmente quando assino o feed de um blog que não envia o conteúdo completo para o feed eu acabo cancelando a inscrição do feed, e com o tempo paro de acessar o blog, já que eu não vou ter o feed para me lembrar que o blog existe.

    Enfim, na minha opinião, eu acho que o melhor é enviar o conteúdo completo no feed. Acho mais respeitoso com o leitor.

    Parabéns pelo post.

    Responder

  2. Coincidentemente, twittei algo sobre isso recentemente.É simplesmente revoltante blogs com feeds parciais, tira todo o sentido do RSS.
    O pior é que geralmente perde-se o interesse nos textos, principalmente se houver muitos outros blogs com novas postagens.

    Responder

  3. É incrível o número de pessoas que ainda disponibilizam Feeds parciais. Como a Emanuelle citou, é realmente um descaso com os leitores. Tal como ela, também retiro os blogueiros que oferecem Feeds parciais do meu leitor.

    Um grande abraço, Marcos!

    Responder

  4. Não assino o feed de quem oferece o conteúdo parcialmente. Não acredito na política do "o primeiro bagulho é de graça, depois tem de pagar". Quem quer que o blog seja visitado tem de oferecer um diferencial. Pode ser o layout, leitores que comentam agregando valor ao post…
    Considero que o leitor assinar o feed já é sinal de que o trabalho tem sido bom. Fazer um trabalho de otimização do blog para caçar os paraquedistas é melhor do que obrigar o leitor a vir ler o texto na íntegra.
    Muitos leitores são melindrados. Há quem não goste nem do hack "leia mais". Imagine se virão ler o texto… Ingenuidade, eu acho.

    Responder

  5. Acredito que o culpado de você disponibilizar um feed parcial ou integro é o assunto, já que este é quem faz sentido de o visitante ler ou não a postagem no blog. Suponhamos que eu insira mais de 5 posts por dia, o conteúdo do feed se torna grande, tendo o leitor "algo" pra ler ( no parcial ), vendo assim só o que mais interessa a ele (quando se trata de um blog com vários conteúdos).Quando criei meu blog, iniciei com feed parcial, dai pensei: "E o resumo realmente chamará o leitor para meu blog, para que ele continue lendo?", a resposta varia muito, tendo em base o assunto do blog como disse anteriormente, a mesma coisa de um DVD, leia a sinópse para saber do que trata o filme.
    Vale lembrar que eu mudei o meu para o integro, e as visitas continuam as mesmas, respeitando os leitores, pensando no assunto do mesmo.

    Testem, um mês com feed parcial e outro com integro para verificar no que mais se adequa ao conteúdo do seu blog.

    Responder

  6. Eu considero a leitura de um feed a mesma coisa que a visita a um blog, quando o leitor lê o feed daquele blog, ele estará consumindo o conteúdo que o blogueiro produziu.

    Responder

  7. Marcos Lemos, existe um outro lado dessa moeda… Tornei o Feed do meu blog em parcial, não por receio de perder visitas e sim para evitar que meus posts fossem plagiados na integra… Fui vitima, por diversas vezes e ainda o sou, de plágio das minhas matérias. Eles simplesmente publicam na integra o que recebem. Não mudam uma virgula. Por esse motivo também coloco o link do meu blog abaixo da minha assinatura em todos os posts… Existem blogs onde seus marcadores são nomes de blogs. O assunto apenas os feeds completinhos e mais nada. São blogs repletos dos conteúdos de vários blogs. Cansei de reclamar para autores, Blogger e Google… Muita perda de tempo e burocracia para muito pouco resultado. Muitos autores nem se identificam. São realmente pessoas que agem de má fé. Por esse motivo meus Feed são parciais. Já expliquei isso no próprio blog e acredito que meus atuais 12.l82 leitores fidelizados entendem a minha postura. Gostaria de saber a sua opinião sobre isso e também se você tem uma outra alternativa para se evitar isso.

    Responder

    • Sônia,
      Nunca tinha pensado por esse lado e você tem toda razão. Eu mesmo vou ver se faço alguns testes para definir minhas estratégias quanto a isso. Preciso de um tempo para analisar resultados e saber os prós e contras neste sentido.
      Mas uma grande vantagem é o que você disse, evitando os plagiadores que usamo sistemas automáticos de publicação de Feed que recebem.

      Responder

  8. Pingback: O risco em oferecer Feed completo do seu Blog - [ Ferramentas Blog ] | [ Ferramentas Blog ]

  9. Quem cancela assinatura de blog com feed parcial pra mim é gente preguiçosa. Afinal, se gostam mesmo do blog, não se importam se é parcial ou não. Vão atrás de ler de qualquer forma.

    Responder

    • Kate V,

      Eu concordo. Normalmente pelo Feed, mesmo que tenhamos o conteúdo completo, se não gostamos do título e primeiro parágrafo do artigo, já nem acabamos de ler.
      Mas se gostamos do assunto, do título e das primeiras linhas, até abrimos o link para comentar e ler outros comentários, divulgar e clicar nos botões de “Curtir” e “Retweet”.
      Quem gosta do nosso conteúdo o lerá mesmo que precise abrir outra página.

      Responder

  10. Li a publicação sobre fornecer o feed completo e suas justificativas. Vou aderir ao que você fez. Como sempre, suas dicas são muito valiosas e essencial para manutenção dos nossos blogs.

    Responder

Deixe um comentário

Ao comentar você concorda com nossa Política de Comentários.