Quer uma avaliação sobre a qualidade de seu Blog?

Siga o Ferramentas Blog: Canal no Youtube | Facebook | Twitter | Google+
Acesse AGORA: https://blogueiro.pro e se torne um Blogueiro de Elite.

O tipo de contato que mais chega em meu e-mail, formulário e comentários de artigos, são pedidos de avaliação. Blogueiros de todos os níveis que, por algum motivo, querem que eu visite seus blogs e diga o que acho deles e em que podem melhorar. Essa é uma tarefa muito ingrata e não é o tipo de coisa que gostaria de fazer, pois posso acabar ferindo os sentimentos de alguém. 90% das vezes a minha resposta seria a mesma e não sei se tem gente preparada para ouvir críticas.

O que eu acho de seu Blog?

Amigo blogueiro,

Seu blog é o pior e mais triste blog que já encontrei. Artigos desconexos e sem sentido, que nem deixam claro qual o seu nicho ou objetivos. Além de ser mal escrito e ter um layout de quinta – cheio de coisas desnecessárias e carregado de cores, páginas longas e pesadas.

Depois que li seu artigo eu fiquei profundamente depressivo e desencorajado a continuar, tentando entender como alguém pode escrever tão mal e ter tanto mal gosto estético. Pior foi ler em seu pedido que você diz se inspirar no meu trabalho e que já leu todas as minhas dicas. Será que minhas dicas e ajudas são tão ruins que te levaram a isso ou você que foi estúpido o suficiente e incapaz de utilizar o que fiz?

Prefiro acreditar na sua ignorância e em seu analfabetismo funcional.

Não sou iludido ao ponto de achar que meu blog é melhor que o de outros, mas no momento em que você pede a minha opinião, pode ser que não goste do que eu tenha a dizer sobre o que encontrei e o que li em suas páginas. Essa é a opinião que eu gostaria de dar sobre vários blogs que chegam aqui pedindo avaliação ou ajudas para melhorar.

Blogar é uma tarefa a longo prazo.

Já tratei disso antes e nem adianta achar que existem blogs perfeitos, acabados e prontos, que nem precisam de mais nada. Não importa o nível, nem o nicho escolhido, um blog está sempre em construção e sempre há algo por fazer em todos os aspectos. Não são apenas os artigos que precisam ser atualizados constantemente, mas também a sua abordagem e forma de atuar na blogosfera. Seu blog vai além das páginas.

O mais importante para se ter um blog de qualidade é estudar sempre tudo o que envolve essa atividade e que pode contribuir para seu crescimento. Aprenda sempre um pouco mais sobre layouts, já que a navegabilidade de suas páginas é que garantirá a permanência de seus visitantes. Leia muito sobre o seu nicho, já que a única maneira de aprender a escrever bem e dominar um assunto é adquirindo conhecimento. E lembre-se sempre de se relacionar com seus leitores e com outros blogueiros. A motivação de nosso trabalho com blogs é ter retorno de outras pessoas.

Sei que não ajudei muito e deixei claro que não avalio blog de ninguém, nem de amigos (o único amigo que avalio e ajudo é o Tiago do Noésis – Estado Noético). Não pense que logo no início seu blog fará sucesso e terá milhares de visitas, nem que tudo estará pronto e acabado ou que você terá o template/tema perfeito que não precise ser revisto e até trocado. Você aprenderá com o tempo o que é melhor, mas só não se acomode e pense que tudo está pronto. Cuidado com os pecados dos blogueiros.

Recomendo que leia para aprofundar:

Baseado em: Ow! Ow! It’s So Boring, It Hurts My Head!

Já pensou em ser um(a) Blogueiro(a) mais Profissional?

Está cansado(a) de ser um blogueiro mediano(a) e que não tem resultados com seu Blog, não ganha dinheiro e não recebe as visitas que gostaria?

Você chegou aqui procurando como aprofundar seus conhecimentos em Blog, como Ganhar Dinheiro com seu Blog, aplicar as melhores técnicas de SEO, divulgar seu Blog e fidelizar seu público alvo. E posso te ajudar com essas coisas e muito mais, elevando o nível de qualidade do seu projeto.

Desenvolvi um curso completo, totalmente online, cobrindo tudo o que é necessário para um Blog atingir seu potencial máximo, detalhe por detalhe, que vão te tornar um Blogueiro de Elite:
  • Técnicas de produção de conteúdo
  • Fidelização do Público alvo
  • Divulgação e Técnicas de SEO
  • Métodos e técnicas de Monetização
Acesse AGORA: https://blogueiro.pro e se torne um Blogueiro de Elite.

Esta é sua chance de ser mais profissional e ter um blog eficiente, completo e que pode ser sua fonte de renda permanente. Sou Blogueiro desde 2007 e condensei todo este conhecimento dentro do curso Blogueiro de Elite para entregar a você.

21 Comentários

  1. Eu sei que meu blog é um Lixo. Buááááááá…

    tá. parei… brincadeiras à parte, é verdade que muitos blogueiros iniciantes procuram os mais experientes como referenciais e "solicitam consultoria" por causa da insegurança gerada pelo fato dos blog terem visibilidade mundial e ilimitada.

    Ninguém quer passar vergonha, ou quer que riam de seu blog, enfim… Ninguém é obrigado a dar essa consultoria, mas tento ajudar a todos que me procuram, claro que às vezes aparece "aquele" idiota que não sabe nem o que é uma vogal e quer ser o Cardoso da vida, esses aí eu gentilmente respondo: "Vai plantar batata no FarmVille"

    Tá. mas passando prum lado mais pessoal, eu morro e ainda não consigo definir um nicho pro meu blog. Não sei se transformo em blog de opinião, metablog, comunicação, Social Media, se transformo em um tipo de "Dicas de sites", se viro blog de humor insano estilo bobagento…. sei lá… um dia eu resolvo. enquanto isso esse mix e remix maluco que venho levando tem girado bem, tem feito (o mínimo) de sucesso.

    ai ai… Não entenda-me mal Sr Hordones Lemos, não estou pedindo consultoria. kkkkk, até porque sou consultor, mas sabe como é: "Casa de ferreiro tem espeto de pau" kkk.

    Enfim, padronize essa resposta das batatas e mande à todos que pedirem sua consultoria "Gratuita" 😉 #ficadica

    Responder

  2. Particularmente, acho seu conteudo bom e escrita de fácil entendimento, mas não gosto deste layout, principalmente a parte inferior que creio nao combinar muito…. =-D

    Responder

  3. Ok. Todo mundo que tem algo a mostrar quer saber a opinião sobre seu feito. ainda de um blog especializado no assunto. Você já deveria saber que isso não vai acabar.

    E quanto ao seu texto, não só esse, como a maioria, tem a palavra "nicho". Já tenho raiva dela só ter que ler tantas vezes por aqui. não custa nada substituir por sinônimos. Vai me motivar a ler seus artigos até o fim.

    Responder

  4. Ótimo artigo, e concerteza blogar é uma tarefa que requer um longo prazo, e nesse longo prazo temos que nos esforçar muito para que um dia chegamos aonde queremos chegar. Buscar opiniões? claro, pois elas ajudaram muito na construção de qualquer projeto que seja.

    Abraços.

    Responder

  5. Concordo!Um blog tem sua qualidade pelo longo prazo através de melhorias qualitativas ao leitor interessado pelo blogueiro dedicado.

    Responder

  6. Muito espirituoso…
    Confesso que pensei: "que bom que nunca perguntei nada, assim não tem jeito de ser pra mim".

    Achei interessante como sua avaliação sobre o "blog fantasma" suscitou nos comentários avaliações do seu próprio blog.
    Fica a reflexão sobre estratégias de recebimento de feedback dos leitores – que, na minha opinião, se feitos de modo genuíno, são sempre muito bem-vindos, independente de concordarmos com eles ou não.

    Responder

  7. Caro Marcos Lemos,

    até posso estar redondamente enganado, porque o que vou falar é um palpite…

    Recebo todo o conteúdo deste Seu blogue faz já muito tempo, por email, e leio sempre atentamente os artigos por completo. Mas hoje surgiu-me no pensamento a lembrança de que faz já um bom tempo que não coloco aqui um comentário.

    Em conversa com amigos que recebem o meu blogue por email, é muito usual trocarmos opiniões sobre artigos que vou publicando, utilizando outras formas de contacto social.

    Não será a assinatura do feed por email, inibidora dos comentários no blogue?

    Não seria interessante criar um script ou plugin, que colocasse o formulário de comentário também junto com o blogue por email?

    Óbvio que teria que estar em gestão integrada com o próprio blogue "mãe", porque comentando via email, o comentário surgiria depois aqui no blogue.

    Será assim tão fora de lógica este meu palpite?

    Pode-se argumentar que não se vem comentar porque não houve interesse ou motivo para isso, mas em minha opinião não é isso que acontece na realidade. O factor do "ah depois vou lá comentar" tem prevalecido, só que o depois nas tecnologias da informação, é o mesmo que já era.

    Responder

  8. @Alezandri,

    Vc tem razão ao dizer que os leitores de feeds e newsletters comentam menos nos blogs. Mas infelizmente ainda não há esse recurso disponível para oferecer nem mesmo o link e comentários, que dirá o formulário por completo.

    Seria ótimo, mas o jeito é esperar que as pessoas queiram mesmo vir até o blog para interagir.

    Responder

  9. Credo, você foi curto e grosso, Deus me livre de um dia pedir avaliação… vou pensar mil vezes agora. Mas isso nunca nem me passou pela cabeça, sou do tipo cabeça-dura: prefiro errar redonda, quadrada e compridamente sozinha que acertar tendo que aturar um monte de palpites.
    Claro, no seu caso não seria "palpite", mas uma opinião embasada em sua experiência, mas "de graça" se fosse você não aceitava nem rezar em enterro. Ninguém merece…

    Responder

  10. Pra ser curto e grosso, como você foi com seu "amigo blogueiro", se você é experiente como estão dizendo, parece dominar quando o assunto é blog, você está certo, não deve prestar consultoria de graça pra ninguém, mas porque não especificar "educadamente" deste inicio assim evita, solicitações indesejadas não é mesmo.
    Navega na internet a muito tempo e muitas horas por dia, existem poucas "comunidades" que trabalham para compartilhar e ajudar um ao outro, a maioria é pessoas que sabem muito e querem se sobressair sobre os "lamens".
    Desculpe, gostei bastante do seu site e em minhas visitas sempre pude tirar algo de bom, mas hoje achei que pegou pesado na resposta ao "blogueiro", você deve saber muito mais do que eu que na internet nossas palavras representam nosso caráter…apesar de não tirar sua razão, porque tem hora que aparece cada um. Mas está de parabéns pelo site.

    abraço.

    Responder

  11. Realmente, a unica coisa que falto "Aprender" (digamos assim) é a divulgação, porque sempre procura postar conteudo de qualidade, e meu template não tem coisa desnecessarias como vc diz… nao sei nem o que fazer.

    acho que vou reler todos seus artios de divulgação =D

    Responder

  12. Sei que todos odeiam críticas, porém, sem elas não evoluímos. Podemos achar que nosso blog é muito bom, e na verdade ele é uma porcaria.

    A crítica é um dos meios de evolução que usamos para melhorar no que erramos. Sei que devemos aceitar as críticas, apesar de odiarmos elas.

    Abraços Lemos!

    Responder

  13. Oi, Marcos Lemos, eu também concordo com o Alezandri, é verdade que eu costumava comentar em seu Blog, mas desde que eu assinei os feeds, não comentei mais, assim como também não comentei em vários blogs que conheci através de seus posts por haver assinado os feeds por e-mail. Não é de propósito, eu nem havia percebido até esse momento. Eu também estou há um bom tempo sem postar nada, por dois motivos, resolvi seguir os muitos conselhos de pesquisar mais e estou pesquisando bastante, e também porque fiquei doente. Sei que meu blog ainda precisa melhorar muito, mas se eu não tivesse achado o Ferramentas Blog (vi o vídeo "Como criar um Blog Original e Relevante?" no Youtube), ele não existiria. Aprendi várias coisas legais aqui e quero continuar a aprender. Obrigada mais uma vez.

    Responder

  14. Marcos lemos devo dizer que este artigo me deixou muito pasmo. Nunca tinha visto um artigo tão ofensivo de sua parte, e confesso que fiquei muito chateado. Cada blog tem seu objetivo e seu publico alvo, e outros são apenas passatempo, discordo quando você diz sobre a questão de templates, afinal o template do FB não é uma maravilha, e particularmente não gosto. E quanto a escrita, cabe a cada um se alto avaliar e se policiar. Nem todo mundo gosta de uma escrita formal como a apresentada aqui no FB ou em outros blogs.
    Não estou tomando as dores de ninguém, mas acho que sua crítica deveria ser pouco mais amigável.

    Responder

  15. @Wesley,
    Entendeu por quê não faço avaliação de outros blogs?
    Se você se ofendeu com o que eu escrevi sem falar diretamente sobre o que acho de seu blog, imagine se eu o fizesse de fato.

    Você mesmo é quem se meteu a avaliar o meu, e eu nem pedi sua opinião sobre o que acha do meu blog.

    A minha opinião sobre o seu blog ou o de qualquer outra pessoa, não importa. Você leu tudo o que escrevi? Se tivesse lido com cuidado, teria refeito seu comentário. Eu disse no artigo acima:

    "Não sou iludido ao ponto de achar que meu blog é melhor que o de outros, mas no momento em que você pede a minha opinião, pode ser que não goste do que eu tenha a dizer sobre o que encontrei e o que li em suas páginas."

    Entendeu!?!

    Responder

  16. Li e tive a impressão de que no dia que você escreveu esta postagem, os pedidos de "análise de blogs" lotara sua caixa postal, porque levei um susto com o comentário sobre o suposto blog analisado. Mas entendi a mensagem, Marcos. Fui direto para os 7 pecados mortais e foi uma aula de mestre!
    No tempo que disponho para o meu blog, ler o conteúdo do seu blog já faz parte do meu planejamento diário.
    Mais uma vez, obrigada!
    Meu abraço,
    Yolanda

    Responder

  17. Pingback: O que as pessoas pensam sobre seu Blog? | [ Ferramentas Blog ]

  18. Pingback: Chega de regras na Blogosfera! - [ Ferramentas Blog ] | [ Ferramentas Blog ]

Deixe um comentário

Ao comentar você concorda com nossa Política de Comentários.